Mais de 1.170 toneladas de pescada foram comercializadas no mercado local amazonense durante a semana santa. O comércio movimentou cerca de R$ 10 milhões no estado.

Os dados foram divulgados pela Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), por meio da Secretaria Executiva Adjunta de Pesca e Aquicultura (Sepa). Mais de 800 toneladas também foram vendidas para o mercado nacional e internacional.

Para o secretário da Sepa/Sepror, Leocy Cutrim, os números mostram que, mesmo na situação de crise global pela qual estamos passando, o pescado ainda é a principal fonte de proteína animal consumida pela população amazonense.