O Procon está nas ruas de Manaus e o consumidor está em fúria nas redes sociais com donos de farmácias que estão arrancando o couro do amazonense por causa do corona. Álcool em gel e máscara estão custando o olho da cara. Valendo ouro. Na Praça 14 uma farmácia foi autuada por vender máscara a R$ 100. Há duas semanas o equipamento custava R$ 14,50. A gente sabe o tamanho da ganância do ser humano. Mesmo em tempos difíceis, sempre aparece o espírito de porco para assaltar o cidadão.

 

ENTÃO, MORRA!

A ganância atravessou a ponte e chegou a Iranduba. Na própria rede social do Proncon, um consumidor fez a denúncia. “ATENÇÃO PROCON!! Em Iranduba farmácias estão vendendo Álcool em Gel no valor de R$30,00 .Isso é um absurdo!!! Façam alguma coisa urgente!! Estamos cansados de sermos roubados!”, desabafou. O órgão de defesa do consumidor atende pelo número 92) 3215-4010, tem redes sociais e promete não parar por conta do corona. Não estamos largados à política da exploração e muito menos da sentença do “então morra”. Todos temos direito.

 

PÂNICO

Seguem as recomendações contra o corona. Lavar as mãos, usar álcool gel, máscaras e evitar aglomerações. Se não for urgente, fique em casa. O Brasil tenta evitar um aumento na curva de casos. O Amazonas ainda tem 5 suspeitos e São Paulo registrou a primeira morte.  Se puder, trabalhe na sua residência. Não vamos facilitar. O Assunto é sério, uma vacina vai demorar para ser aprovada e o melhor negócio é não dar sopa para o azar. Quanto aos que querem roubar o consumidor a lei e o Procon estão aí. Ninguém merece morrer de medo e ainda ter uma faca no pescoço.