Humilhado por um cliente que não aceitou o atraso na entrega de salgados, xingado até de vagabundo,  José Rafael Marciano, de 32 anos, ganhou o mundo com seu desabafo e está vendo a vida virar ao avesso. Vendo o sofirmente deste pai de família, pessoas do Brasil inteiro estão ajunando e uma vaquinha vitural já arrecadou R$ 108 mil para ele, a esposa e as três filhas.

“Jamais imaginei viver o que a minha família está vivendo. Quero investir em uma lanchonete e, quem sabe, conseguir comprar uma casa para a minha família”, planeja Rafael. “Até outro dia, o Rafael estava chorando por tudo o que aconteceu. Chorando de tristeza. Agora, ele tá vendo o sonho dele sendo realizado”, comemorou a esposa,  Daiany Maciel.

Rafael e a família terão uma vida nova agora!

Rafael desabafou nas redes sociais e recebeu em troca muita solidarieadade. Ele não tem uma das mãos, nem as costelas do lado esquerdo. Também é cardíaco. “Fiz com maior carinho, fui até na casa, aí não quis mais porque demorei um pouco. Gente, eu faço tudo na mão, sou deficiente físico, faço tudo com dificuldade, agora vieram me xingar, me ofender. Sobrou muito salgado. Se alguém quiser”.

Agora a vida terá um novo começo e o brasileiro prova que é mesmo um povo bom.