Barbara Briley está ficando mundialmente famosa. Aos 86 anos,  essa é uma sobrevivente. Na Segunda Guerra Mundial, sua residência na Inglaterra foi bombardeada por Hitler, mas ela nada sofreu. Agora no mês março, enquanto faizia fisioterapia por uma cirurgia no joelho, levou uma queda, machucou o quadril e foi para o hospital, onde testou positivo para o coronavírus.

O quadro piorou e os médicos já dava o caso como perdido, quando de repente ela começou a melhorar. Bárbara também já teve um problema cardíaco que a obrigou a passar por uma cirurgia no coração, mas também sobreviveu. Um dos filhos, Richard Briley, postou uma foto ao lado da mãe e contou que ela chegou a passar uma semana em uma unidade de terapia intensiva. “Hoje, ela recebeu a certeza de que este é o tipo de coisa na qual a mídia tem que se concentrar, de que há esperança”, escreveu ele em uma publicação no Facebook.

Após dias esperando o hospital ligar para informar sobre sua morte, filhos e netos foram até lá levar Bárbara para casa.